Crise na mídia impressa provoca série de demissões em grandes veículos

Jornais como ‘’O Dia’’, ‘’Extra’’ e ‘’O Globo’’ totalizam mais de 400 funcionários demitidos. Nem mesmo os mais antigos na casa escapam do corte de gastos

O jornalismo impresso passa mesmo por um momento delicado e de instabilidade. Com o avanço da tecnologia e o digital ganhando cada vez mais espaço, a mídia impressa busca se reinventar para superar a crise que assola as redações. Somente neste último mês, cerca de 430 funcionários perderam seus empregos em veículos de nome como o jornal ‘’O Dia’’, ‘’O Globo’’ e o ‘’Extra’’ e a expectativa para o futuro não é nada boa. Segundo a presidente do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Rio de Janeiro (SJRJ), Paula Máiran, a tendência é que esses números alarmantes aumentem ainda mais.

Há 15 anos trabalhando na área de jornalismo investigativo do ‘’O Globo’’, Ana Claudia Costa foi uma das funcionárias que teve seu contrato rescindido devido a grave crise e conta como encarou a situação. ‘’Recebi com muita tristeza a notícia da minha demissão. Dediquei 15 anos da minha vida ao jornal e agora me encontro um pouco perdida. Sem saber o que fazer. Até me recuperar desse baque, ainda não sei para onde vou. Posso migrar para outra mídia, quem sabe.’’, lamenta Ana Claudia.

size_810_16_9_jornalistas-sp-protesto

A jornalista fez questão ainda de ressaltar que antes de deixar a redação, já havia sofrido uma grande perda. Luiz Carlos Cascon, seu chefe de reportagem, havia sido mais uma vítima da crise e se despediu de seus companheiros do jornal. ‘’A demissão do Cascon foi o tiro de misericórdia. Vai fazer muita falta, não só para mim, como para os colegas que ficaram na redação. Era um ótimo profissional. Nos cobrava muito, mas sempre com elegância e amizade. Aprendi demais com ele. Sair aplaudido da redação não é para qualquer um.’’

Temendo pelo futuro de sua área, Ana Claudia não faz prognósticos, mas admite que a grave crise econômica do país interfere e muito no desencadeamento desta série de demissões que vem ocorrendo nos principais veículos jornalísticos do meio impresso. ‘’Todos estamos profundamente chateados com tudo que vem acontecendo. Não aconteceu comigo, mas alguns colegas meus estão tendo atrasos de salário e isso é um incômodo para qualquer profissional. Não sei o que esperar daqui para frente. Temo pelo pior.’’

Fator que interfere diretamente na situação, Ana Claudia sempre enxergou a internet como uma aliada e conta como o jornal trabalhava para tentar amenizar o impacto da mudança. ‘’O que fazíamos no Globo era guardar os fatos mais interessantes para o papel. Matérias investigativas, por exemplo, que exigem mais tempo de apuração. Para o digital, nós guardávamos as breaking news. No entanto, isso vem mudando. Hoje temos matérias muito bem elaboradas também no meio digital. Matérias multimídia com riquezas de informação e que demandam um grande tempo de apuração e pesquisa também.’’

A pergunta que não quer calar é uma só: O jornalismo impresso está mesmo próximo de um fim? É inegável que o digital vem engolindo a área e, de certa forma, ‘’roubando’’ o seu público. Os números das vendas de jornais vem caindo vertiginosamente, mas pelo menos para Ana Claudia, ainda há esperança. ‘’Acho burrice lutarmos contra a internet. Ela é o futuro, isso é indiscutível. Hoje, a maioria dos jovens só lê as notícias pelo computador, pelo celular, por tablets, etc, e a tendência é que esse número cresça cada vez mais, mas não podemos esmorecer. Certamente, uma redefinição do trabalho será necessária se o impresso quiser se manter no mercado.’’

Pauta: Cynara Costa e Clarice Frauches

Texto: Paulo Vitor Vasconcellos

Foto: Beatriz Santos

Edição: Thiago Nunes

Publicação: Carolina Rodrigues

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s